segunda-feira, 2 de abril de 2012

Leveza x Peso

A menina deita na cama cansada. Cansada da vida e dos sonhos, cansada do corpo e da alma, cansada de si mesma. Tenta lembrar o que comeu naquele dia. Uma banana e um sanduíche são tudo que carrega na barriga. Ela se odeia. E se gosta. E fica confusa. Pega um caderno e começa a anotar seus pensamentos, suas frustações. As letras saem embaralhadas mas ela já não liga.

Tudo se esclarece. Os motivos, as razões, as brigas, o porquê da sua vida ser tão confusa.
Finalmente descobre algo que a motiva a viver, por mais que isso a mate ela ama isso, sente alguma importância naquilo e em si mesma. Não entende o fato dos amigos não a aceitarem daquele modo, tudo o que ela quer é ser feliz.

Passam-se os anos, passa-se o tempo e ela sabe de tudo que a influenciou naquilo. Vive um misto de leveza e culpa. Loucura talvez. Se sente leve por abrir todos os baús fechados em sua mente, leve por saber, finalmente saber, leve por não precisar mais se preocupar com o passado, leve por saber da sua história até então esquecida.

Ao mesmo tempo se sente pesada por saber a verdade, saber que a família influenciou e a ajudou a se afundar nisso tudo, pesada por saber que desde sempre já era assim, pesada por saber que parte disso tudo é culpa sua. Biologicamente falando, desde criança. E ela surta. Surta por nunca ter imaginado, premeditado algo assim. Será sua culpa?

Ela vive assim, sempre viveu, não sabe viver diferente. Pensa que não há maneira diferente de ser.
Tentam por em sua cabeça outros meios mas a menina já os tentou. Diversas vezes e cansou. E não desistiu. E falhou. E não desistiu. E falha. E não desiste. Cansa. Se conforma.
Sabe que é errado mas continua. Já tentou sair e não conseguiu, o resto é continuar. Mas poucos entendem.
A menina explica mas poucos a escutam. Acham que está louca, que quer se matar, que quer se rebelar. Ela jura que não é isso. Ela afirma que está cansada e só quer ter paz, de corpo e principalmente espírito.

Sua mente a destrói. Ela só quer descansar e ser feliz. Mas ela não quer morrer. Quer um abraço sincero, palavras sinceras e alguém que esteja ao seu lado. Sempre.

E ela acha, ela pensa que acha. Se sente feliz, se arruma, olha no espelho e vê uma menina feliz.
Pena que poucos não veem a felicidade no sorriso dela pois tudo que notam é o corpo delgado da menina.
A veem sorrindo mas só percebem seu aspecto frágil. E lançam palavras. O sorriso da menina some e dá lugar a lágrimas, as palavras a atingem como pedras, a alegria some e dá lugar a tristeza.

Hoje a menina já não é mais feliz. Ninguém gosta da felicidade da menina. Dizem que a querem bem. Como querem deixá-la bem se sempre a fazem chorar?
Ela só quer ser feliz e finalmente conseguiu mas tentam tirar isso dela. Mal sabem o erro que cometem. Pois a menina, magrela, frágil, educada, paciente, inteligente e outros termos tem feridas. Muitas. Mal sabem que um dos meios da menina de curar suas feridas é se machucando mais e mais.

Quando se sente triste a menina perde a vontade de fazer qualquer coisa. Não sai, não se arruma, não dança, não fala, não come.
A menina só quer manter o que já sabe, os velhos hábitos e os maus costumes mas a pedem pra mudar. E ela vai mudar. Agora ela vai além, custe o que custar.


*texto do meu caderno, escrito por mim dia 26/02/12


Dedico a Garota do 307.

16 comentários:

  1. Que texto lindo!Me identifiquei muito com algumas coisas!Parabéns, vc escreve mt bem!Bjs

    ResponderExcluir
  2. Adorei o texto, me identifiquei demais ^^

    Há tantas controvérsias nesse nosso mundo não?!Uma hora queremos nos livrar de toda dor e sofrimento, mas quando paramos pra pensar, queremos isso pra nós, está em nós, somos assim...

    Espero que tenhas uma semana maravilhosa, com muita força e que sorrias muiiiito.
    Bejuh

    ResponderExcluir
  3. me identifiquei com seu texto, ele é otimo
    beijos:*

    ResponderExcluir
  4. Poxa adorei o que vc escreveu, é sua vida ne????
    É tão complicado, tmb me amo me odeio, aff eh phoda.

    Torço pelo melhor pra vc, sempre.

    Bju

    ResponderExcluir
  5. Escrever é um dos meus maiores vícios junto a ler. ADoro ler os posts que você escreve e sinto que você joga neles todas suas emocões. Eu muitas vezes me sinto vazia depois de escrever, mas um vazio bom: um alívio. Você é uma pessoa tão linda por dentro e por fora, as vezes eu acho que é um sonho ter te conhecido e estar aprendendo tanto contigo.

    ResponderExcluir
  6. Adorei o texto.Fiz um desse gênero ano passado, quando estava bem mal, mas feliz por não estar comendo, eu não conseguia dormir porque não havia comido nada,só havia água no meu estômago.Me dá uma sensação de vazio e eu não consigo dormir, por mais cansada, não sei se você já se sentiu assim.
    Me identifico muito com o fato de "deitar na cama cansada de tudo".Principalmente "quando se sente triste a menina perde a vontade de fazer tudo".Me sinto assim muito, sem propósito,sem vontade, sem força pra continuar, querendo morrer.
    Mas você é uma pessoa incrível e muito forte,acredite, você tem muita força mesmo, você pode mudar, pode fazer o que quiser, eu acredito nisso.
    Fica bem!Beijos <3

    ResponderExcluir
  7. Bonito mas triste esse texto. Em certos momentos me identifiquei contigo. A vida é complicada mesmo e é incrível como só nos apontam defeitos. Acompanho-te há algum tempo, li sobre a tua relação com a família, pai... Mas tu és linda e mereces sorrir :)
    Beijo.

    ResponderExcluir
  8. ai Thali, eu fiquei triste ao ler... queria ser o seu abraço tão desejado... é tão triste se sentir assim... e eu também tenho me sentido assim, cada vez mais. Não que me critiquem por não comer, ninguém mais faz isso, só minha mãe! Mas por gostarem de me magoar, de falar do meu corpo, do meu peso!
    Quero te ver bem... quero ficar bem também!
    Por que a vida tem que ser tão difícil às vezes?

    ResponderExcluir
  9. minha amiga... te amo tanto... sofro quando te vejo querer na doença ser alguém mas entendo... entendo ser sua razão de viver e morrer mas me preocupa e ao mesmo tempo quero te salvar afff... e ao mesmo tempo quero morrer junto com vc e te abraçar como vc precisa...

    quanto aos termogênicos... to sem força de postar quanto mais de fazer o desafio...

    vou postar agora rapidinho... mas deixa eu me recuperar esta semana um pouco...

    eu farei

    prometo

    mas não sei QUANDO

    bj

    ResponderExcluir
  10. Sabe o q eu concluí agora?

    Vc está feliz com esse corpo,lutou para isso.Só precisa esquecer a opinião alheia e começar a ver e desfrutar da sua beleza,da sua leveza e da sua juventude.

    Liberte-se vc mesma,da limitação q os outros colocaram em sua mente.Sinta-se livre,pq vc é livre.

    Busque a felicidade,onde quer q ela esteja,a receberá de braços abertos.Afinal nunca se nega um pedido a uma linda mulher!

    1 beijo e sucesso ;)

    ResponderExcluir
  11. Oi , meu nome é Marcela , eu preciso falar contigo .

    ResponderExcluir
  12. como assim além?...naum gostei nada nada...to preocupada com vc :/

    ResponderExcluir
  13. Que texto Thalita! Uau!
    Simplesmente adorei ;)
    Obrigada por tudo, obrigada por ter sido a primeira pessoa a mostrar-se disponível para apoiar*
    Viciada no seu blog ;))
    Espero o melhor para ti, o sucesso faz, tem de fazer parte do seu caminho... Todo o seu trabalho, luta compensou.
    Sem dúvida uma inspiração.
    Um beijo deste anjo negro que gosta de leite com chocolate e te segue fielmente ;))

    ResponderExcluir
  14. Oi Thalita minha linda, eu estava sem tento de comentar no seu blog (e em muitos outros) tanto que agora li vários post's seus e amei simplesmente suas fotos você tem alma de modelo suas poses são de revista parabéns xD
    Seja forte e boa sorte pra todas nós!

    ResponderExcluir
  15. Oi Thalita minha linda, eu estava sem tento de comentar no seu blog (e em muitos outros) tanto que agora li vários post's seus e amei simplesmente suas fotos você tem alma de modelo suas poses são de revista parabéns xD
    Seja forte e boa sorte pra todas nós!

    ResponderExcluir
  16. amei o texto ele é simplesmente maravilhoso e as fotos são incriveis parabéns

    ResponderExcluir

Seguidores