sexta-feira, 19 de julho de 2013

Sobre a reportagem

Como começar esse post... Bem, estive afastada, quando fico com meu namorado (sempre 2 ou 3 dias na semana) eu não vejo blogs e dou uma pequena bisbilhotada em grupos no Facebook. Passamos pouco tempo juntos e gosto de aproveitar.
Essa semana gravei a reportagem para o Conexão Repórter, do Sbt, um quadro sobre transtornos alimentares. Dois dias de gravação.
De algum modo isso mexeu comigo, me fizeram tantas perguntas e eu tive de desenterrar lembranças e sentimentos, agora estou meio... sem reação e sem querer comer. Mostrei fotos minhas, me gravaram de corpo e apesar dos comentários parece que a vontade de emagrecer aumentou. Continuo assustada, não tenho vontade de comer e a fome é quase nula mas conversei com uma amiga que gravou uma reportagem assim há um tempo atrás e disse que essa reação é normal, que quando ela gravou também se sentiu triste e sem vontade de comer e querendo emagrecer mais ainda; com o tempo essa reação vai passar. Assim espero.
De qualquer forma, liguei pro meu namorado pedindo ajuda dizendo sobre tudo, ele vai me ajudar a me distrair, a me sentir um pouco melhor. Se é difícil pra mim, imagine pra alguém que namora uma pessoa com distúrbios e tem de entender e apoiar, inclusive nas crises.
Sobre o que gravei? Contei sobre minha vida, a imagem que tenho de mim mesma, o que como, entre outras coisas que quem lê meus blogs já sabe. Também mostrei algumas postagens de blogs mostrando a diferença entre meninas que não tem TA e só querem emagrecer (muitas das vezes garotas que são acima do peso e querem atingir o imc 18) e outras que tem transtorno e tentam atingir a magreza extrema. Espero que não tirem essa parte, é de extrema importância, até mesmo pra que pessoas mais leigas saibam que há diferenças entre quem SOFRE com anorexia e bulimia e quem BRINCA querendo entrar numa doença.


Abaixo vão algumas fotos das gravações:


Equipe

Cinegrafista Márcio


Fotos que tirei no 2° dia de gravação


O apresentador Roberto Cabrini

Roupas que provei dia 12/07/13. Não uso mais 34.
Não sei se fico feliz ou triste em saber isso.

10 comentários:

  1. Podia depois postar a reportagem? Obrigada bb, boa sorte e fique bem :c você é linda

    ResponderExcluir
  2. Quero muuuito ver a reportagem *_*
    Beijos
    J.S

    ResponderExcluir
  3. n esquece de nos mostrar a reportagem depois, e vc é linda. ta linda me serviu como uma inspiração. continue assim, tenha forças pode contar sempre cmg ta ?beijão.

    ResponderExcluir
  4. ola meninas, to aqui pra mostrar meu novo blog pra vcs. vamos conversar um pouco sobre unhas bem pintadas, desenhadas, makes, sobre boas musicas, customizações e etc ?todo assunto que deixa qqr menina parada e atenta pra aprender os truques ?deem uma passada no meu blog, novinho em folha, estou começando agora a escrever nele, espero q gostem beijos de luz.


    http://gabiglamour.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ainda que consigas ver a Anorexia como uma doença, ela está muito presente na tua vida...e ao fazeres a reportagem, acontece que forcaram no aspeto da doença em si, o que fez algum reforço positivo da mesma, mas no sentido não saudável. (Percebeste o q disse? Às vezes sou meia confusa lol).
    De qualquer forma, fiquei muitoooo contente quando li que ligaste ao teu namorado. Parece-me que ele tem sido um grande apoio para ti! Isso é bom! E é muito bom que aproveites todo o tempinho possível com ele.Eu quando posso, também faço o mesmo!
    Espero depois poder ver essa reportagem :)
    Beijinho grande. Sempre aqui,
    Filipa*

    ResponderExcluir
  6. Estou muito ansiosa para ver a entrevista, mas eu acho que mesmo uma pessoa que só queira mesmo emagrecer pode sim ter um transtorno; eu conheço uma menina que ela passa dias sem comer, toma laxantes, chás, se exercita muito, etc. mas não é totalmente magra, ela disse que a meta dela é até ela ser uma thinspo, mas cada um tem uma definição diferente de thinspo; a thinspo que ela quer ser (eu esqueci o nome) tem o IMC 17, mas eu considero que essa conhecida minha tenha um TA prq se ela não tivesse ela estaria procurando emagrecer de uma forma saudável, e não estaria procurando dietas loucas para seguir à risca... e vale lembra que a bulimia também é um transtorno alimentar,

    ResponderExcluir
  7. Oi linda, então eu adoro seu blog, porém eu usava outro, você poderia me seguir nesse? http://wanttobe-sk1nny.blogspot.com.br/
    Obrigada linda, e quero ver a reportagem, hein? ^^

    ResponderExcluir
  8. acho que eu "brinco" com a doença, eu só quero ser magra não estremamente magra, quero pesar 50kg, atualmente tenho 69 kg e 1,60m, já consegui perder 20. eu me considero anorética, mas não deixo a ana me dominar

    ResponderExcluir

Seguidores